sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Início a Oficina de Leitura e Interpretação para professores - Projeto BragaCult2



OFICINA
LEITURA E INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS
(dirigida a professores)
actividade em colaboração com a Rede de Bibliotecas de Braga
no âmbito do III Encontro de Autores do Minho dedicado a Sebastião Alba

Número máximo de participantes: 20
Duração: 50 horas
Sessões de oficina: 20 (uma sessão-semana de 3 horas, ao sábado, entre as 10.00 e as 13.00)
Início a 13 de Dezembro 2014; término a 18 de Abril 2015
Apresentação pública: Abril 2015
Responsável: Sílvia Brito (Companhia de Teatro de Braga)

APRESENTAÇÃO
A leitura tem implicações cognitivas e afectivas de carácter individual que podem ser estimuladas e desenvolvidas através de uma prática partilhada. O contexto de 'jogo' proposto nesta oficina pretende propiciar novas abordagens sobre o acto de leitura fundadas no exercício da palavra-corpo como acto de interpretação e comunicação.

DESCRIÇÃO
— Leitura de textos de autores de Braga com particular incidência na obra de Sebastião Alba.
— Serão utilizadas técnicas e metodologias de preparação, leitura, análise/interpretação, enunciação e jogo de natureza teatral com o intuito de promover o gosto e o desempenho com base na interpretação individual da palavra e dos sentidos do texto em contexto de jogo colectivo e partilhado.

OBJECTIVOS
— Criação de contextos de leitura que estimulem o envolvimento activo dos actores/leitores na construção dos sentidos dos textos e da sua partilha com os ouvintes/espectadores;
— Sensibilizar os participantes para o exercício de "contar e ouvir contar histórias";
— Sensibilizar os participantes, através da experimentação do LER, para assumirem a Palavra e os Sentidos do texto, a partir de aproximações à sua própria memória, corpo e realidade em contexto da prática teatral;
— Estimular e melhorar as capacidades de leitura e análise interpretativa, a partir das questões que os textos levantam confrontados com o factor individual da experiência e conhecimento do mundo e com o factor de construção cénica;
— Potenciar a capacidade de reflexão, diálogo e actuação sobre o real.


SÍLVIA BRITO
Actriz e encenadora, colabora regularmente desde 2013 com a CTB - Companhia de Teatro de Braga: integrou o elenco da Trilogia Oresteia, de Ésquilo (encenação de Rui Madeira, 2013), dirigiu Oficinas de Leitura e Interpretação (2013-2014) no âmbito do projecto BragaCult, encenou o espectáculo Em Pessoa (textos de Fernando Pessoa, 2014) e integra o elenco de Os Músicos de Bremen (encenação de José Caldas). Iniciou a actividade teatral no Cénico de Direito em 1985. Integrou o elenco do Teatro Nacional D. Maria II (1990-92). N'A Escola da Noite (Companhia de Teatro de Coimbra) desenvolveu trabalho teatral durante dezoito anos (1992-2010) nas áreas da actuação, encenação, formação e documentação teatral. Em 2011 fundou, com António Jorge, o projecto de criação, formação e programação artística 'Razões Poéticas - associação informal de artes' que desenvolve actividades de formação de públicos em Penela. Dirigiu acções de formação teatral para amadores, estudantes de teatro e actores profissionais, leccionou seminários no 'Curso Profissional de Artes do Espectáculo - Interpretação' da Escola de Teatro São Teotónio e elaborou projectos de formação na Escola Profissional de Artes e Ofícios do Espectáculo do Chapitô (2012).


INSCRIÇÕES: bragacult@gmail.com

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

CTB DÁ INÍCIO A OFICINA DE LEITURA E INTERPRETAÇÃO



A CTB - Companhia de Teatro de Braga dará início no dia 24 de novembro à Oficina de Leitura e Interpretação. Esta Oficina acontece no âmbito do Projeto BragaCult2, tem a duração total de 30 horas e destina-se a crianças e adolescentes com idades compreendidas entre os 10 e os 17 anos. A Oficina será orientada por Thamara Thais e Rogério Boane  e irá decorrer em parceria com o Centro Cultural e Social de Santo Adrião (CCSSAdrião), no âmbito da valência CAT (Centro de Acolhimento Temporário) - "A ponte de regresso a casa", uma valência a funcionar há 14 anos que tem por finalidade o acolhimento urgente e transitório, por período não superior a 6 meses. O Projeto acolhe crianças e jovens provenientes do concelho de Braga, integradas na valência e encaminhadas por algum serviço da comunidade CPCJ (Comissão de Protecção de Crianças e Jovens) / TMBRG (Tribunal de Menores de Braga).

Os formadores pretendem através desta Oficina sensibilizar os jovens para o exercício de "contar e ouvir contar histórias" através da experimentação do ler e assumirem a palavra e os sentidos do texto a partir de aproximações à sua própria memória e realidade. Estimular a capacidade de análise interpretativa a partir das questões que o texto sempre levanta e potenciar a capacidade refletiva e de afirmação pessoal a partir das ideias.

Thamara Thais, é licenciada em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (2012). Atriz da Companhia de Teatro de Braga, participou em espetáculos como As Bacantes (2008), Preconceito Vencido (2009), Sabine Freire (2009), Jardim (2011) Auto da Barca do Inferno (2011), Falar a Verdade a Mentir (2012) e Em Pessoa (2013). Em 2010 e 2011 ocupou a posição de assistente de encenação nos espetáculos A Cabeça do Baptista e Concerto "à la Carte".

Rogério Boane, participou entre 1999 e 2002 no Festival de Teatro e Dança na África do Sul com o bailado Lágrimas do Passado. Participação num Workshop da Cena Lusófona, em Maputo com o objetivo de escolher um ator com capacidade de representar o seu país na peça Quem Come Quem, integrado no projeto Viagem ao Centro do Círculo, uma co-produção Cena Lusófona, A Escola da Noite, Companhia de Teatro de Braga e Teatro Vila Velha (Brasil). Coordenou a Oficina Dança Africana integrada no Projecto AU!/2 Alternativas Urbanas/2. Em 2003, participou no Projecto Amadixão, trabalhando com o Centro de Idosos de Santo Adrião com o objetivo de motivar os idosos a contar histórias. Desde 2004, tem participado como ator em espetáculos como Da Vida de Komikaze, A Vida Como Exemplo, Praça de Touros e Jardim de Alexej Schipenko, A Estalajadeira de Carlo Goldoni, O Menino Dino de José Ananias, Doroteia de Nelson Rodrigues, Buraco de Regina Guimarães, Pára-me de Repente de Vergílio Alberto Vieira, Auto da Barca do Inferno de Gil Vicente, Trilogia 1José 2Rubem 3Fonseca de Rubém Fonseca, A Cabeça do Baptista de Ramón del Valle-Inclán, A Arte do Futuro/Último Acto de Anna Langhoff e Alexej Schipenko, Transit de Regina Guimarães e Saguenail, Falar Verdade a Mentir de Almeida Garrett, Oresteia (Agamémnon. Coéforas. Euménides.) de Ésquilo, As Orações de Mansata de Abdulai Sila e Os desaparecidos a partir de Amerika de Franz Kafka.

Esta Oficina deriva de uma parceria feita entre a Companhia de Teatro de Braga e o Centro Cultural e Social de Santo Adrião, sendo que já está a decorrer a Oficina de Criação de Vídeo Experimental com o Projeto Ger@ções3D do Bairro Nogueira da Silva. Ambas as Oficinas são gratuitas.

Oficina realizada no âmbito do Projeto BragaCult2 desenvolvido pela Companhia de Teatro de Braga que visa a revitalização cultural da zona histórica e malha urbana da cidade, a partir de novas abordagens às práticas culturais que, de modo sustentado, garantam a participação ativa das populações, na busca de melhores públicos e mais qualificada cidadania. Ao longo de 2014, o Projeto BragaCult/2 realizará um conjunto de ações e oficinas específicas nas áreas da Expressão (o Corpo e as Disciplinas Teatrais), da Palavra (Escrita e Memória), do Áudio (Exploração e Recriação do Som) e do Vídeo (Exploração e Produção de Imagem).

segunda-feira, 14 de março de 2011

Convite

A CTB – Companhia de Teatro de Braga, no âmbito do Projecto BragaCult, tem o prazer de convidar V. Ex.ª a assistir ao exercício final da Oficina de Leitura e Interpretação (2.ª edição) e da Oficina de Iluminação, orientadas por Ana Bustorff e Fred Rompante.

A apresentação, de entrada livre, terá lugar no Pequeno Auditório do Theatro Circo, no dia 18 de Março, às 21h30.

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Começou a 2ª edição da oficina!

A primeira sessão foi no dia 12, no Teatro Circo, onde Ana Bustorff e Rui Madeira receberam os 33 inscritos.
A apresentação final será em Março.

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Apresentação final

A Oficina de Leitura e Interpretação terminou no dia 23 de Julho com uma apresentação pública no Teatro Circo.